O surpreendente Audax e Fernando Diniz, por Antonio Ribas

por Antonio Ribas

O Brasil inteiro se mostra surpreendido e quase não acreditando que o desconhecido e pequeno Audax, clube empresa sediado na cidade de Osasco na Grande São Paulo, chegou a decisão do campeonato paulista, o mais forte e competitivo do país, e começará a decidir o título neste final de semana contra o Santos.

A imprensa do restante do país, exceto Curitiba, está boquiaberta com a maneira de atuar do técnico Fernando Diniz, que prioriza totalmente a posse de bola, não permite chutões nem mesmo dos seus zagueiros e goleiro, e não rifa a bola de maneira nenhuma, algo que nunca havia sido visto até hoje em nosso futebol, e que surpreende a toda imprensa e por isso cito que menos a nós aqui de Curitiba, pois Diniz foi técnico do Paraná Clube no ano passado.

Aliás, até hoje ninguém entendeu muito bem o porque da demissão de Diniz, pois o mesmo vinha realizando um bom trabalho, o mesmo trabalho revolucionário que hoje faz no Audax, e justamente quando o elenco do Paraná começava a compreender o estilo inovador e revolucionário de Diniz, o mesmo foi demitido e agora todos que acompanham o futebol brasileiro analisam o estilo como uma das poucas novidades surgidas no futebol brasileiro nos últimos anos.

Confesso que não compartilho de todo esse entusiasmo, pois não acredito na aplicabilidade do estilo de jogo pregado por Diniz, já que os riscos são muitos e os erros na reposição de bola e entrega de graça de uma bola dominada aos adversários foi uma constante aqui no Paraná Clube e também agora no campeonato paulista, e o Audax só não foi eliminado antes porque, além da competência também contou com a sorte em muitos momentos, tanto é que entregou de bandeja os 2 gols do Corinthians no jogo da semifinal.

Não acho que essa nova maneira de jogar futebol dará resultado, pois não acredito que já estejamos preparados para uma modernidade como essa. Como diz o ditado, o tempo é que dirá quem tem razão.

(Foto: Monique Silva/GloboEsporte)

(Visited 41 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *